Maio Amarelo pretende reduzir mortes no trânsito

0
96

Começou oficialmente quinta-feira (2), em todo o Paraná, a campanha Maio Amarelo, que visa diminuir o número de acidentes no trânsito e preservar a vida. Este ano, o tema é “Maio Amarelo – no trânsito, o sentido é a vida”, e apela para o poder das crianças em influenciar o comportamento dos pais.

O vice-governador Darci Piana participou do lançamento, realizado no auditório da Polícia Rodoviária Federal (PRF),

Maio Amarelo busca reduzir mortes

A conduta responsável busca diminuir a taxa de mortalidade no Estado, que é de 20,65% – foram 2.338 óbitos em 2018, segundo o Detran-Paraná. “Temos números de mortes superiores a países que vivem em guerra. Precisamos tratar disso com responsabilidade de Estado”, disse o vice-governador Piana.

“Todos nós, motoristas, pedestres, ciclistas, precisamos fazer o nosso papel, pensar sempre na conscientização. E que ela venha com os nossos filhos e netos. Que o pai entenda quando o filho avisa que ele está correndo muito”, reforçou Piana.

Ações Maio amarelo

A campanha envolve o Comitê Trânsito Seguro, que reúne Detran-Paraná, Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran), Polícia Rodoviária Estadual (BPRV) e PRF. Além de secretarias municipais de trânsito e o Observatório Nacional de Segurança Viária.

No Estado, haverá palestras, blitzes educativas e fiscalização em todos os municípios. O cronograma prevê ainda atividades por áreas específicas. Pedestres, ciclistas, motociclistas e motoristas farão parte do projeto.

As ações se encerrarão com o 7º Fórum de Mobilidade Urbana, nos dias 30 e 31, no Parque Barigui, em Curitiba. Entretanto, a conscientização é o ano todo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, informe seu comentário
Por favor, informe seu nome aqui