Advogado Davi Artero morre em acidente na BR 373

0
320

Advogado morreu após o carro que estava dirigindo ser frontalmente atingido por outro veículo que invadiu a pista contrária na BR-373 

O advogado Davi Alessandro Donha Artero, morreu após o carro que estava dirigindo ser frontalmente atingido por outro veículo que invadiu a pista contrária. O acidente aconteceu por volta das 15h10, desta quarta-feira (10), no km 196,2 da BR-373, entre os municípios de Ponta Grossa e Imbituva, próximo da Ponte do Rio Tibagi. Davi, que tinha 43 anos, chegou a ser atendido no local pela ambulância da concessionário Caminhos do Paraná e foi encaminhado com lesões graves para o Hospital Universitário (HU), mas morreu ao dar entrada na unidade de saúde.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o veículo Volkswagen Fox com placas de Prudentópolis vinha no sentido contrário da rodovia e, ao entrar numa curva, invadiu parte da pista contrária, colidindo frontalmente contra o veículo Toyota Etios Sedan que o advogado dirigia. A outra vítima da colisão, uma mulher de 60 anos, foi encaminhada pelo Siate ao Hospital Unimed em Ponta Grossa, com lesões graves.

Este trecho da BR-373 é de pista simples. Por causa do acidente, a estrada ficou aproximadamente 45 minutos fechada parcialmente. Os veículos envolvidos na colisão foram retirados do local no início da noite.

As circunstâncias e responsabilidades pelo acidente serão apuradas através de inquérito policial. A autoridade policial se baseará em levantamentos realizados pela PRF, além de laudos do Instituto de Criminalística e do Instituto Médico Legal (IML).

O advogado e sócio-proprietário do Escritório Davi Artero & Advogados Associados era graduado pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), especialista em Direito Eleitoral e Processo Eleitoral e Pós-Graduado em Direito Administrativo. Davi Artero, estava finalizando o Doutorado em Ciências Jurídicas e Sociais (UMSA, Buenos Aires – Argentina). Ele também atuou no Departamento Jurídico da Câmara de Ponta Grossa. Em fevereiro, o advogado lançou o livro ‘Críticas a uma sociedade ultrapassada’. A obra traz reflexões e questionamentos sobre as constantes mudanças da sociedade e também discute ideias e valores sociais.

Lideranças lamentam morte

Autoridades da política, do meio jurídico, associações e entidades de Ponta Grossa e da região dos Campos Gerais, manifestaram suas condolências pela morte do advogado e escritor  Davi Alessandro Donha Artero, ocorrida no acidente da BR-373.  As manifestações ocorreram através das redes sociais. O corpo de Artero chegou ao IML no início da noite dessa quarta-feira (10), e até o fechamento desta edição não havia sido liberado para a família.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, informe seu comentário
Por favor, informe seu nome aqui